instagram satc twitter satc facebook satc linkedin da satc canal do youtube satc
Search
Generic filters
Exact matches only
Filter by Custom Post Type
Ensino

Com adiamento do Enem, prazo para inscrição termina nesta quarta

Exame que aconteceria inicialmente em novembro segue sem data definida pelo MEC

FacebookTwitterLinkedInWhatsAppCopy LinkFacebook MessengerEmail
27/05/2020 19:09 Ingrid Varela
Destaques Crici. Reg., Jornalismo Satc, Notícias de Criciúma e Região

Com toda certeza o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) está normalmente entre as maiores preocupações dos estudantes do terceiro ano do ensino médio. Duas alterações foram realizadas na semana passada. O adiamento para nova data ainda indefinida e a ampliação no prazo para que os jovens possam se inscrever.

As inscrições que teriam sido encerradas no dia 20, foram estendidas até hoje (27), às 23:59.  A taxa para alunos que não se encaixam no grupo que não foram contemplados com a isenção, terão que pagar R$ 85,00 até essa quinta-feira (29). 

Segundo dados do Ministério da Educação (MEC), até sexta-feira (22), mais de 5 milhões inscrições já haviam sido efetuadas, e dentre elas 5.050.768 na versão impressa e 101.100 na versão digital que é novidade este ano. O governo ainda estima que em seis anos o exame possa ser aplicado totalmente digital.

O exame é responsável por conceder bolsas e financiamentos para jovens ingressarem em universidades e faculdades em todo o território nacional, e em alguns casos até mesmo instituições internacionais.

Com a pandemia veio mais um questionamento, com as escolas fechadas por tempo indeterminado, como ficaria o Enem? A pressão surtiu efeito e veio o adiamento. Alunos de todas as partes do país se sentiam estressados pela situação como um todo. “Esse ano tem sido muito conturbado, muito mais do que eu esperava. Eu esperava que fosse angustiante por conta de Enem, vestibular, provas e afins, e agora me sinto mais segura com um tempinho a mais para me preparar”, afirmou Leticia Teixeira, estudante do terceiro ano do Colégio Marista de Criciúma. 

O adiamento por hora, segundo o MEC e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), é de 30 a 60 dias, e no mês de Junho na Página do Participante será divulgada uma enquete para definição da data futura da aplicação do Exame. 

Apesar do tempo extra, a falta do aprendizado presencialmente pode afetar muitos estudantes. De acordo com a Agência Brasil cerca de 33% dos estudantes brasileiros não têm acesso a internet, e 58% não possuem acesso a computadores. “Eu sei que sou muito privilegiada, tenho acesso a aulas online, exercícios virtuais, livros, apostilas e etc. Mas sei que não é o caso de todo mundo. Esse tempo extra é muito bom, mas ainda acho que vai ser pouco por todo o tempo que já perdemos presencialmente,” destacou Leticia.

Print Friendly, PDF & Email

Um Dia da Pizza movido a solidariedade

Vida de parteira: todos os dias uma hora não marcada com a alegria

Como identificar um relacionamento abusivo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comente: